09/10/2017 — Texto: dc33 Comunicação | Fotos: Divulgação

Combinação entre o rústico, design nacional e referências asiáticas do morador integram a reforma do apartamento realizado pelo escritório Korman Arquitetos.

Na reforma deste apartamento realizado pelo escritório Korman Arquitetos, o desafio caminhou pela mescla de referências: o estilo moderno e despojado, combinado com materiais rústicos, móveis asiáticos e peças de design brasileiro.

Localizado em São Paulo, no bairro da Vila Nova Conceição, o projeto foi realizado para um executivo com filhos que moram com a mãe – mas que sempre estão sempre com ele no apartamento. O pedido partiu da vontade de uma renovação que trouxesse ambientes modernos e que, ao mesmo tempo, também contemplasse as referências que construiu em sua vida. Em uma experiência marcante, depois de uma longa temporada na Ásia, sua bagagem contemplava uma sorte de mobiliários asiáticos. Mas, ainda assim, o morador expressou o seu veredito de contar também com o design nacional.

Com 68m², sala de estar, televisão e jantar tornaram-se ambientes integrados. Caminhando para um lado mais rústico, a decisão seguiu pelo uso de tijolinhos à vista em algumas paredes e, em outras, a pintura com efeito concreto. Ainda nessa composição, o piso recebeu madeira de demolição, e, tanto a porta de acesso da sala de jantar à cozinha como a porta social receberam a cor vermelha, com acabamento em laca brilhante.

No mobiliário, a conexão entre as poltronas e cadeiras assinadas por Sergio Rodrigues e as peças asiáticas do cliente, além de um tapete persa vermelho feito com retalhos. Esses detalhes ajudaram a compor o ambiente com móveis em tons mais neutros.

No lavabo, um tampo de madeira de demolição recebeu a cuba de louça. Seguindo a essência da sala, uma parede no tom vinho contrapõe com a outra, executada com tijolinho. Para o piso, mármore Travertino nacional.

A integração também se fez presente entre copa e cozinha. Seguindo um pedido do cliente, o Korman Arquitetos projetou uma ilha que permite cozinhar e, ao mesmo tempo, dedicar atenção aos convidados. Respeitando as dimensões do espaço, a solução foi trabalhar com um tampo Corian cinza, em ‘L’, e o cooktop posicionado para a bancada e a mesa de refeições.

Uma combinação de acabamentos, como o piso porcelanato imitando o efeito cimento, as paredes revestidas com cerâmica branca tipo tijolinho, e o ladrilho hidráulico na parte inferior do balcão composta completam o décor da cozinha. Em fórmica branca, os móveis são da Ornare.

Apaixonado por livros, a circulação do apartamento foi escolhida para receber uma estante, tomando ares de uma biblioteca. Novamente, a madeira de demolição foi eleita no projeto e deu forma ao móvel que recebe o acervo pessoal do morador, além de fotos e quadros em tamanhos diferentes.

Na suíte de casal, o tijolinho foi eleito para a parede que recebeu a cama, que por sua vez, é acompanhada por uma cabeceira de veludo azul marinho. No banheiro, o aumento do espaço aconteceu ao absorver um dos quartos da dependência de empregados. Com essa decisão, o banho recebeu um box, banheira e duas cubas que foram posicionadas no gabinete de madeira de demolição. No acabamento, mosaico cerâmico.

www.kormanarquitetos.com.br