20/12/2017 — Texto: Cobogó – Relações Públicas | Fotos: Alessandro Guimarães

Tria Arquitetura assina apartamento que teve como pedido dos moradores uma casa acolhedora e desenhada para os momentos em família.

O apartamento de 198 m² localizado no bairro Jardim das Perdizes foi projetado pelo TRIA Arquitetura, das arquitetas Sarah Bonanno e Marina Cardoso de Almeida, para receber um jovem casal e os dois filhos. Tornar os espaços fluidos e integrar as áreas de convivência, tendo como principal pedido dos moradores viver em uma casa acolhedora e especialmente desenhada para os momentos em família, foi o partido do projeto.

Para atender aos anseios dos clientes, as arquitetas integraram a varanda e a área da churrasqueira à sala. Dentro desse novo programa, a área da churrasqueira tornou-se o ponto mais importante do apartamento. O casal, que é natural do Rio Grande do Sul, tem o hábito de fazer churrasco com frequência e integrar o terraço à sala de jantar possibilitaria um melhor aproveitamento do apartamento para a convivência em família.

Na área íntima, as arquitetas aumentaram o banheiro do casal unindo a ele o espaço do banheiro de serviço e projetaram o banheiro de serviço dentro da área de serviço, deixando-a mais compacta.

A cozinha, foi projetada para ser um espaço que contemplasse as necessidades da família e que coubesse tudo que precisavam: geladeira generosa, forno e fogão semi industriais e uma bancada ampla com cuba esculpida. Por ser uma cozinha fechada e não integrada com a sala, foi proposta uma marcenaria com detalhes, que conferisse charme ao ambiente.

A cor cinza dos armários foi destacada com o uso das bancadas em Silestone White Storm e o branco do revestimento na parede em destaque com Tijolo cerâmico da Portobello. As cadeiras em madeira natural vieram na decoração, trazendo o toque quente e aconchegante.

Entre as várias mudanças, a parede dos caixilhos do terraço foi removida para integrar totalmente a área social e na sala. Foi projetado então um espaço para as crianças, uma brinquedoteca em marcenaria de mdf com acabamento em laca acetinada, que de um lado funciona como estante para as crianças e do outro é a estante da sala de estar.

A estante vazada atende às duas salas com personalidade diferentes, e futuramente quando o espaço da brinquedoteca não for mais necessário é só empurrar a estante para a parede ao fundo e a sala ficará ainda maior para os pais e adolescentes. O luminotécnico de todo o apartamento traz uma iluminação feita em forro de gesso com iluminação e caixas de som embutidas.

www.triaarquitetura.com.br