28/08/2019 — Texto: Bianca Benfatti | Fotos: Manu Oristanio

Trio de arquitetas apresentaram aos moradores soluções práticas e funcionais para o apartamento que é a segunda morada de um pai e uma filha

Procurando um projeto que contemplasse todas as suas necessidades, os moradores chegaram ao Estúdio Uvva, comandado pelas arquitetas Juliana Flauzino, Gabriela Hipólito e Barbara Marins. O principal desafio das profissionais foi criar a melhor forma de aproveitar os 69 m² do apartamento.

Localizado em um bairro de São Caetano, região do Grande ABC próxima à capital paulista, o imóvel manteve o projeto original à risca, com poucas mudanças estruturais. O estilo moderno e descolado do escritório combinou perfeitamente com o sonho dos moradores.

O escritório traduziu os gostos do pai, que é empresário, e da filha, de apenas quatro anos, que ganharam uma residência aconchegante e com uma mescla de cores. A atmosfera descontraída pode ser percebida desde a entrada. De cara, a escolha de pintar meia parede com um tom de azul claro, deixando o restante no tom cinza – mesma cor do teto – chama atenção dos visitantes. A mesa de jantar redonda com tampo de vidro facilita a circulação.

O estar segue o mesmo conceito ao receber um décor que traduz o conceito de aproveitamento de espaço e amplitude. O sofá, fornecido pelo cliente, o tapete e as almofadas acompanham a mesma paleta de cores. O rack foi pintado de azul, como o tom da meia parede, para complementar o charme da sala. O padrão de cores também marcou presença no corredor entre os quartos.

Saindo deste ambiente aconchegante, encontramos um terraço reservado. Indo na contramão da maioria dos projetos atuais, o Estúdio Uvva planejou um espaço sem integração com o estar, mantendo a porta de vidro para a divisão dos espaços. Ao invés de churrasqueira, a varanda possui uma adega para guardar os vinhos, atendendo assim ao gosto do morador. A marcenaria em um tom de madeira escuro contrasta com as poltronas mais claras.

A cozinha ganhou soluções criativas. Com uma pequena moradora, o pai solicitou um espaço que ele pudesse estar sempre de olho na filha. Assim, o escritório optou pela retirada da parede que dividia a cozinha e a sala na planta original, para oferecer mais amplitude ao ambiente. Com esse olhar de integração, novamente a pintura das paredes foi o caminho para uniformizar as áreas com e sem revestimento. Já que o espaço seria aberto, os armários superiores, que ficaram aparentes, receberam tons diferentes. Para as refeições rápidas do dia a dia, o balcão em tom de madeira apareceu como uma resposta prática e atual.

Na suíte, o cliente revelou apenas um pedido: uma cama Queen Size, independente dos demais móveis. Com o objetivo de viabilizar esta demanda e, ao mesmo tempo ampliar a circulação do ambiente, o escritório criou soluções inspiradoras: o armário de roupas apresenta portas de correr e o espelho ficou posicionado na parte de trás.

No banheiro, o ponto de cor do espaço está no armário da bancada. O azul do móvel funcionou como um contraste perfeito no ambiente todo branco. O estilo industrial do espelho uniu o útil ao agradável, já que contempla uma prateleira para os produtos de higiene.

O quarto da filha recebeu uma atenção especial. O Estúdio Uvva teve a ideia de explorar a atemporalidade no ambiente com uma dose de muita criatividade. Assim, a escolha por cores neutras e móveis práticos evitará a necessidade de grandes mudanças ao longo do crescimento da criança. Um dos pontos altos do projeto, de acordo com as arquitetas, foi o casamento do salmão nas paredes com o verde claro dos móveis.

Para saber mais, acesse: www.estudiouvva.com.br