27/05/2019 — Texto: Lara Savana | Fotos: João Morgado

Caracterizado pelo volume único e geometria retangular, o edifício fica localizado em um terreno de esquina, na Região Metropolitana do Porto, em Portugal

A obra é assinada pelo arquiteto Nuno Capa e possui uma área total de construção de 25600m², sendo composta por oito pavimentos: seis acima do solo, para escritórios, e dois no subsolo, para estacionamento, além de uma área no primeiro nível, utilizada por prestadores de serviços.

A fachada é o elemento visual mais marcante do projeto, se destacando pela composição da iluminação noturna, dos arranjos dos elementos rítmicos e contornos modernos.

As calçadas mais largas ao norte e ao sul do edifício, estabelecem a importância de se criar uma dupla entrada em fachadas opostas. Estas duas entradas originam uma linha de cruzamento e encontram-se no núcleo do edifício – um foyer com a altura total de 24m.

A organização espacial e funcional do edifício se estabelece através de dois núcleos de acessos verticais – escadas e grupo de elevadores – levando aos andares inferior e superior.

Para as soluções construtivas do edifício, adotou-se uma estrutura metálica, com lajes mistas para os pisos positivos e fachadas de vidro como revestimento externo.

A solução arquitetônica do edifício é baseada em um programa espacial de escritório flexível para hospedar um ou vários ocupantes em um programa construtivo, abrangendo as mais recentes e melhores práticas de sustentabilidade durante o projeto, as fases de construção e a vida útil do edifício.

Para saber mais, acesse: www.facebook.com/nunocapa.arquitecto