14/06/2021 — Texto: Bat Comunicação | Fotos: Fernando Crescenti

Uma reforma eficiente cujo destaque foi a otimização das plantas para um melhor aproveitamento do espaço cara o casal e seus pets

O maior desafio do projeto Casa Vila Mariana, desenvolvido pelo escritório Júlia Otaga Interiores, foi atender as medidas totalmente fora do padrão, já que os clientes têm mais de 1,80m de altura. Além disso, o imóvel de 280m² foi totalmente reformado e entregue em três meses. Para que os ambientes ficassem mais integrados, paredes e shafts foram removidos, e também um corredor foi transformado em escritório integrado à suíte, ganhando mais espaço para o closet e banheiro.

Os clientes, casal sem filhos, buscavam aproveitar melhor o espaço. Como têm pets, um cachorro e uma gata, o piso não poderia ser de madeira – dessa forma, o revestimento escolhido foi o porcelanato. Outro pedido dos moradores era que o quarto fosse mais espaçoso e também precisavam de um espaço para home office. Achavam que o espaço da sala não estava tão bem distribuído.

O principal destaque do projeto foi a otimização das plantas. “Transformamos ambientes bem divididos e apertados em locais agradáveis e espaçosos. Removemos shafts e paredes, ampliamos o banheiro para colocar uma banheira com capacidade de 415 litros (banheira Riolax 1027); removemos um banheiro pequeno que não era utilizado para incluir uma penteadeira grande; alteramos a posição da porta do quarto para criar um home office dentro da suíte, removendo parte do corredor existente. No térreo, também removemos shafts para ampliar a cozinha e incluir armários – e criamos uma ilha com cooktop”, explica Júlia

Quanto à decoração, a casa como um todo era bem neutra e já havia passado por uma reforma. Dividida em diversos ambientes, tinha móveis pequenos e sem apelo visual. O projeto de otimização trouxe cor e textura à residência, utilizando revestimentos como o Pietra Grey, da Portinari, e os tijolos da Passeio Revestimentos, que deram sofisticação e aconchego aos ambientes. A personalidade dos clientes também é bem marcante, por isso o projeto destacou os móveis e objetos de estimação da dupla, caso do aparador – que era da avó da cliente, a luminária em formato de boneco (que ficou em um dos nichos do escritório), entre outros. Cada medida levou em conta o tamanho dos objetos já existentes. O filme Pulp Fiction, clássico do diretor Quentin Tarantino, também foi tema constante na decoração, por fazer parte da história do casal.

Projeto de Design de interiores e Gerenciamento de obra: Escritório Júlia Otaga Interiores – @julia.otaga_interiores

Engenheiro Responsável: Sergio Canashiro