17/09/2019 — Texto: Luana Bárbara | Fotos: Rafael Renzo

Localizada na região da cidade de Porto Feliz, interior de São Paulo, os clientes dessa casa buscavam uma atmosfera de sossego e tranquilidade, aproveitando a proximidade da natureza exuberante, sem perder o conforto e a elegância

O projeto é assinado pela arquiteta e designer de interiores Bárbara Jalles, que tem como seu maior desafio criar ambientes refinados e, ao mesmo tempo, oferecer conforto e praticidade para todos os morados.

“A proposta de interiores dessa residência contava com um caráter contemporâneo que complementou o estilo modernista da construção. Fiquei bastante satisfeita por conseguir enfatizar a incrível localização onde a casa está situada, pois oferece transparência, iluminação natural e vistas únicas para as a natureza existente ao redor da construção”, explica a arquiteta.

Com 411m², a casa da Fazenda Boa Vista demorou cerca de um ano para ser finalizada. Além da necessidade de projetar cômodos refinados, Bárbara criou ambientes amplos com layout flexível para que as crianças também pudessem aproveitar a construção. O projeto com toques contemporâneos se adequou às necessidades dos moradores e ao mesmo tempo combinou com as características arquitetônicas já existentes na casa.

Para os ambientes íntimos, Bárbara propôs que as cores e texturas fossem neutras, derivadas de tons cinza e marrom, ornando com a madeira que foi utilizada no espaço. Já para os ambientes sociais, foi escolhido um layout moderno deixando o local mais amplo e sofisticado.

A varanda, localizada no pavimento superior, já fazia parte da casa, então a arquiteta optou por fechá-la, instalando alto caixilhos e oferecendo uma sensação de amplitude no espaço. Neste mesmo ambiente, a transparência permitiu uma vista panorâmica ímpar e particular para a área externa da casa. Foram definidos ainda alguns pontos importantes, como a extensão do piso do local até a área com visão para a piscina.

Para a composição deste projeto, Bárbara utilizou mármore e madeira. Em todos os ambientes de uso coletivo, a profissional optou pelo mármore travertino, que oferece elegância e enfatiza os espaços sociais. A profissional empregou duas tonalidades de madeira ao longo da residência: Cumaru e Freijó. Um longo painel na área gourmet harmonizou com outros detalhes em madeira presentes no mobiliário e na marcenaria.

Quanto aos demais materiais, escolheu por tons claros e neutros que dessem continuidade ao conceito de calma e a serenidade que os clientes buscavam, distribuindo, ao longo da casa, pequenos objetos que deram cor aos espaços, como por exemplo, o floral.

Para saber mais, acesse: www.barbarajalles.com.br