17/06/2021 — Texto: MD Assessoria e Relacionamento | Fotos: Raul Fonseca

A combinação de cores, formas orgânicas e arquitetura bem pensada resultou em uma atmosfera envolvente e cheia de personalidade 

Cenário do novo momento da família, o apartamento de 180 m² em São Paulo precisava trazer mais personalidade e conforto para atender ao proprietário e seus filhos. A arquiteta Juliana Sica entrou em cena para atender às necessidades da família, repensando desde a redistribuição de ambientes, com os todos móveis sob medida executados pela Florense, grife mundial e referência internacional em produtos high-end, até a decoração personalizada, a fim de trazer mais graça e cor, além de funcionalidade para a rotina dos moradores.

A primeira medida tomada pela arquiteta foi repensar na planta do apartamento, para adequar à nova realidade da família. O antigo escritório, por exemplo, deu lugar à sala de TV, pensada para reunir os moradores e amigos para curtir um bom filme. O ambiente, que tem o azul como protagonista, conta com um confortável sofá e móveis planejados da Florense, assim como a estante de laca, no mesmo tom das paredes, atendendo à organização dos equipamentos eletrônicos e à estrutura de automação do ambiente.

A arquiteta também repaginou a cozinha, que contou com o Subway Tile preto na parede da pia, em contraste com o branco das demais paredes. Para tirar máximo proveito da metragem, contou com armários exclusivos da marca para disposição dos eletrodomésticos embutidos. A escolha do acabamento em preto garantiu uma atmosfera sofisticada ao ambiente, a cor também está presente na mesa de refeições que ganhou cadeiras em linho cinza.

A área social, cheia de personalidade, traz sala de estar e jantar integradas, o verde entra como ponto de cor dos ambientes, no sofá modular conectado de forma harmônica, assim como a poltrona Mole, do renomado designer brasileiro Sérgio Rodrigues, dando vida ao canto de leitura. Ao fundo, a sala de jantar traz uma mesa redonda com quatro lugares, e um móvel com buffet e nichos vazados, para dispor itens decorativos. Ainda na área social, para atender ao desejo de ter um espaço para os momentos “relax”, a arquiteta reformou a varanda inserindo uma parede verde e o “cantinho do charuto”, sonho do morador.

Ao lado, um painel de madeira camufla a entrada para a antiga dependência de serviços, espaço que foi transformado em home office. O ambiente traz uma parede de tijolinhos, que será usada como pano de fundo para uma futura Gallery Wall com fotos tiradas pelo próprio morador que tem como hobby a fotografia.

Na área intima, Juliana Sica trouxe um quarto em que o conforto foi palavra de ordem, composto perfeitamente com os móveis Florense com acabamentos de madeira, presentes na parede da cabeceira, no painel ripado da TV e no mobiliário em geral, como mesas de apoio, cama e no closet. Já o banheiro da suíte ganhou ares de SPA ao ter uma sauna instalada. A arquiteta pôs revestimentos mais contemporâneos, mantendo a mesma linha do quarto e garantindo harmonia visual entre os espaços.

Juliana Sica Arquitetura – www.julianasica.com@julianasicaarquiteta

Florense – www.florense.com.br@florensegabriel@florenseded