16/09/2016 — Texto: Tiana Ribeiro | Fotos: Mario Chaves

Este projeto foi desenvolvido por Claudia Ferreira Arquitetura, em parceira com o escritório Verônica Gaburro Arquitetura e Interiores, para uma residência com estilo rústico e moderno ao mesmo tempo.

Em uma área de 450m² com um declive significativo, a proposta ideal para melhor aproveitamento do espaço sem muita movimentação de terra e fundações excessivas foi um sobrado com três pavimentos, resultando numa construção de 320m².

O tijolo a vista foi a base para essa construção que tem detalhes em madeira de demolição e muito verde no entorno, assinando uma característica rústica e atemporal. Os tons claros contrastam harmoniosamente com a madeira de cor mais intensa e o uso do vidro em janelas e portas mantém a visão de toda a paisagem ao seu redor, além de manter a vista privilegiada da residência.

No pavimento térreo encontram-se área gourmet e cozinha, que conta com Ilha central a fim de oferecer praticidade e comodidade na preparação dos alimentos, além de criar um ambiente mais harmonioso. A modernidade se completa com os ladrilhos hidráulicos, que são um grande trunfo na decoração, dando mais vida e alegria aos espaços com um toque mais retrô.

A iluminação transmite aconchego. Pendentes com três peças acompanham o pé direito duplo e ganham destaque na fachada frontal através da transparência das janelas.

O vidro aparece também nos guarda-corpos, exercendo a função de proteção e contribuindo para a qualidade estética da edificação, compondo na horizontalidade e estética da casa.

Ao contrário dos sobrados, casas com mezanino não separam totalmente um piso do outro, permitindo que os pavimentos térreo e superior fiquem interligados, o que garante melhor aproveitamento do espaço e a modernidade no projeto. Neste caso, o mezanino torna-se uma sala de TV e reunião da família em momentos mais íntimos, além de ser um hall de entrada para os quartos.

Uma charmosa escada reta de lance único dá um charme ao hall de entrada da casa e leva ao pavimento superior. Sua estrutura é em alumínio e os degraus em madeira de demolição.