20/06/2017 — Texto: Agência PCK | Fotos: Evelyn Müller

O projeto de interiores do apartamento foi criado para um casal e o filho, que desejavam uma decoração contemporânea.

As principais cores usadas foram branco e bege, cores claras para dar aquela atmosfera clean, preto e chumbo, cores escuras para dar vida e elegância. O toque final ficou por conta do uso de cores fortes e divertidas como amarelo, azul, vermelho e verde água. A escolha do porcelanato da sala e do terraço também foi pensada para facilitar a limpeza e a manutenção do apartamento.

Para dar vida ao ambiente tão calmo, a arquiteta Érica Salguero escolheu um sofá de dois lugares na cor chumbo e para complementar, quatro almofadas em crochê nas cores preto e branco, dando uma sensação maior de aconchego. Ao invés de uma mesa de centro, ela preferiu criar algo descontraído e com movimento, adicionando um puff de estampa geométrica em preto e bege, que pode ter a mesma função de mesa, além de servir para apoiar os pés e relaxar.

O tapete em cinza prata finaliza a decoração. Atrás do sofá, um aparador com desenho arrojado comporta alguns livros e objetos decorativos, além de ter a função de preencher o espaço vazio entre o living e a sala de jantar.

Na sala de jantar foi utilizada uma mesa retangular com tampo em laca branca com vidro, e detalhes dos pés em madeira. As cadeiras, com pés também em madeira, são estofadas com um linho bege. Para adicionar um pouco mais de cor ao espaço, as “costas” das cadeiras de cabeceira foram estampadas com o mesmo tecido geométrico em preto e branco do puff do living. Dois pendentes esféricos cromados e um centro de mesa marrom escuro sobre a mesa dão um tom a mais.

A intenção da arquiteta era criar um ambiente de lazer familiar com estilo mais descontraído e com uma pegada retro. O aparador de madeira, balcão de apoio preto com três portas, as quatro cadeiras coloridas que fogem dos padrões tradicionais de branco, preto e madeira, e um pendente moderno e colorido, dão um charme e diversão a mais.  Já o estilo retro fica por conta do revestimento de ladrilho hidráulico na parede da churrasqueira, um aparador em madeira com duas banquetas pretas, um frigobar antigo vermelho e uma iluminação intimista para finalizar.

No outro lado do terraço, um pequeno living equipado com três poltronas estofadas em linho, com pés em madeira, uma mesa de centro em madeira de demolição, e tamboretes feitos de madeira e pintados na cor azul, é o local perfeito para ficar longe da bagunça na churrasqueira e aproveitar à vista, ou até assistir um pouco a TV.  A arquiteta quis deixar o ambiente bem praiano complementando a decoração com objetos em azul cobalto, como almofadas, tamboretes de madeira e duas lanternas.

No quarto do casal, a cabeceira da cama é estofada em camurça bege, e acima dela um papel de parede sofisticado com listras em efeito 3D nas cores marrom e bege para combinar com o enxoval. À frente da cama, um painel para TV em laca branca fosca, com prateleiras e frisos, para dar um toque de elegância sutil ao ambiente tão simples.  Para complementar, uma cortina branca para dar leveza e três nichos de gesso na lateral, que abrigam os objetos do acervo pessoal dos clientes.

Nem sempre usar preto escurece o ambiente. O desejo do jovem era um quarto com sua cor preferida, preto, e uma cama de casal. Para fugir do dark e criar uma decoração atual e aconchegante, a arquiteta consegui mesclar suas ideias com o gosto do rapaz, e escolheu laca brilhante preta para a estante Zigzag e a cabeceira da cama, com pequenos detalhes frisados. A persiana preta deu o destaque que a parede branca precisava.

A base da cozinha é o branco no revestimento das paredes e nos armários, que foram feitos em fórmica branca, com algumas portas em vidro preto para dar vida ao ambiente.  Para toda a bancada a escolha foi o granito preto São Gabriel, com um detalhe especial, pastilhas de vidro em escala de cinza, para dar um toque sofisticado.

Aproveitando o espaço existente, a arquiteta projetou uma bancada em fórmica branca, que pode servir de apoio para o preparo das refeições, ou até para um café ou lanche rápido. Para dar diversão e mais vida ao ambiente, a arquiteta escolheu cadeiras amarelas com pés de madeira.

www.ericasalguero.com.br