Texto: Sandro Prezotto | Fotos: Elson Yabiku

Casa de vó é sempre aquela alegria. Um lugar especial onde a gente passa momentos inesquecíveis da nossa infância e que para sempre ficarão em nossas memórias. Para que esses momentos sejam sempre vividos, os moradores dessa residência desejavam um projeto prático, com ambientes integrados, onde os filhos e netos se sentissem sempre bem-vindos.

Com características contemporâneas, a proposta dos arquitetos Flávia Rostelato (CAU A54623-2) e Jean Reis (CAU A54640-2), da Arte Arquitetura, privilegiou ambientes amplos, com iluminação e ventilação natural, que pudessem se integrar ou não conforme a ocasião. O maior desafio dos profissionais foi proporcionar essa integração, mantendo uma separação da área social com o espaço íntimo, pois o projeto também deveria prever uma suíte no piso inferior, para utilização futura.

Com pé direito duplo, o Living atendeu a amplitude desejada, mas sem abrir mão do aconchego.

“Planejamos também que a escada ficasse incorporada como uma escultura. Os lustres, que dividem os espaços, contribuem para a harmonização”.

Na fachada, os arquitetos reforçaram o estilo contemporâneo, privilegiando o uso de cores e texturas diferentes e dando maior destaque aos volumes.

Na Sala de Jantar, foram elaborados painéis em marcenaria, que ajudam a esconder as portas adjacentes.

“O objetivo era preservar a utilização dos ambientes de acordo com as necessidades da família. Podemos ter uma sala totalmente integrada, como dar privacidade aos usos diversos”.

Com um visual clean, a Cozinha ganhou detalhes específicos com a utilização das cores.

“A proposta foi dar destaque para a área do fogão, criando realces pontuais”.

O Espaço Gourmet foi projetado na sequência desses dois ambientes para complementar o efeito de continuidade do interior com o exterior, proporcionando maior profundidade aos espaços integrados.

Os arquitetos selecionaram revestimentos e materiais de acabamento mais leves, dando destaque às peças coloridas na decoração.

“Como temos frequência das crianças pela casa, queríamos um ambiente mais limpo, sem muitos enfeites ou objetos delicados”.

A iluminação foi toda planejada para criar diversos cenários conforme a necessidade ou o uso dos ambientes. Para o paisagismo, um projeto prático e funcional, com plantas de alta durabilidade e baixa manutenção.

“No Espaço Gourmet, escolhemos uma árvore frutífera para dar volume e ampliar o uso do jardim”.