11/07/2017 — Texto: Mão Dupla Comunicação | Fotos: Henrique Queiroga

Para o outono-inverno 2017, quem está roubando a cena nas passarelas e vitrines é o brilho máximo. E como moda e decoração andam afinadas e bebem da mesma fonte, no décor, o brilho também chegou forte.

Diferente do que se viu nas passarelas, nos ambientes, o brilho vem mais discreto, mas sem deixar de marcar presença nas composições.

De fato, o brilho na moda não é o mesmo dos projetos de interiores, porém ele também está em destaque na decoração principalmente no que diz respeito aos revestimentos e adornos. “O brilho na decoração é sinônimo de luxo e sofisticação. Mas, atenção! Deve ser utilizado na dose certa, de forma ponderada e com bom senso para que não fique over e perca a elegância”, destaca a arquiteta Ana Lívia Werdine.

Ana Lívia conta como usar o brilho em revestimentos, tendência forte para os espaços:

“Em revestimentos, o brilho tem ganhado força, seja nos tons de dourado brilhante até aplicações de cristais swarowski. São brilhos mais pontuais”.

Já para os móveis, a laca com acabamento brilhante aparece como queridinha do momento.

“O uso da laca brilhante está forte nos móveis e elementos decorativos. Os móveis em laca brilhante permitem uma variedade imensa de cores e muita liberdade para criar. Dão uma sensação de modernidade aos ambientes”, salienta a arquiteta.

Os complementos com brilho garantem elegância aos espaços, concluindo a composição. “Às vezes utilizamos almofadas com um detalhe em cetim brilhante que, por si só, já dá destaque à peça e mais luxo para a sala. Luminárias de cristal (pendentes, abajures, arandelas) também são ótimas para esse fim”, ensina Ana Lívia.

www.analiviawerdine.com.br