Texto: Tiana Ribeiro | Fotos: Andre Klotz

O tríplex desenvolvido pelo Estudio Guto Requena foi projetado com a intenção de criar espaços flexíveis, que fossem adaptáveis ao estilo de vida do casal de donos. A nova planta rompe com a clássica tripartição burguesa, que divide a casa em áreas Social, Íntima e de Serviços, para criar espaços que podem se integrar e que são multifuncionais, transformando-se no decorrer dos usos conforme as necessidades, através de painéis e móveis deslizantes e iluminação.

Os materiais se mostraram importantes para a própria conceituação dos espaços: o primeiro piso, íntimo, onde encontram-se a suíte do casal, uma pequena cozinha e o home theater, tem madeira no piso e nas paredes.

No andar superior, de caráter coletivo – espaço de receber os amigos para festas ou mergulhos na piscina – o concreto surge como elemento principal.

A escolha de móveis e materiais busca uma brasilidade contemporânea, com exemplares de designers como Lina Bo Bardi, Sérgio Rodrigues, Maurício Arruda, Zanine de Zanine e Rodrigo Almeida.

O uso de softwares de design paramétrico foi aplicado no desenho da marcenaria do home theater e da mesa que se transforma em parede, feitos de concreto, no andar superior.

www.gutorequena.com.br