13/08/2017 — Texto: Bibiana Menegaz | Fotos: Marcelo Donadussi

O maior desafio da arquiteta foi transformar o imóvel dos anos 80, no bairro Bom Fim em Porto Alegre, de 130 m², em um apartamento com linguagem contemporânea, adequada ao perfil do cliente: jovem piloto, solteiro, bem-sucedido e que viaja muito.

A proposta era injetar estilo sem exageros, inserir personalidade. O conceito almejado era o luxo contemporâneo, uma atmosfera minimalista, com o lifestyle urbano e aconchegante que o morador sonhava.

Renovação e Integração

O desejo de renovação total do cliente deu liberdade para a criação. A integração dos espaços era primordial para receber amigos. Na lista de mudanças conceituada pelo escritório, a primeira das alterações executadas foi derrubar a parede da cozinha, que a dividia da sala, e ampliar o living com a inclusão de um dormitório.

Priorizando a funcionalidade, o living, o jantar e a cozinha ficaram sem divisórias, tendo apenas uma ilha separando o preparo das refeições dos demais ambientes e o forro de gesso e a luminotécnica, setorizando os espaços. O retrofit foi total atualizando toda a elétrica e a hidráulica do apartamento.

Decoração sóbria e contemporânea

O design possui linhas retas e o mobiliário foi escolhido para oferecer conforto. O projeto tem decor sóbrio, tanto em relação às cores quanto às formas, monocromático em tons de preto, madeira e cinza – cor essa utilizada para colorir as paredes do living, pilares e lajes, como também o tapete e os estofados que dão conforto ao espaço.
Acabamentos de alto padrão – evidenciado através do tampo em Corian cinza (Deep Mink) com cuba usinada – e a entrada de luz natural são pontos marcantes.

Para deixar tudo ainda mais interessante, foram instaladas, entre as vigas do teto, diferentes tipos de forros – que parecem flutuar onde a laje pintada de cinza valoriza a composição – e a luminotécnica,com luz tanto ambiente quanto de galeria, criando uma variedade de atmosferas.

Espaços para receber

As banquetas altas ficam entre a sala e a cozinha e é onde o morador recebe os amigos para conversar e tomar um vinho enquanto prepara a refeição. Atrás da ilha, um móvel alto em melamina preta oculta diversos armários e a passagem para a área de serviço.

Área íntima

Ambiente muito claro, pensado para muitos armários e ampla bancada, harmonizando com toda a casa, através de linhas minimalistas e com o tanque esculpido no granito.

Nos banheiros o tom de cinza do porcelanato em contraste com o branco e a madeira valoriza o espaço. O acabamento unificado no piso e nas paredes do box contribui para a sensação de espaço maior.
A iluminação nos espelhos incrementam o ar minimalista e intimista dos ambientes. O uso de blocos únicos e usinados em silestone branco para as cubas dos banheiros expressa a sofisticação nos detalhes puros e simples.

www.bibianamenegaz.arq.br