07/04/2017 — Texto: VAGA | Fotos: Patrícia Cardoso

Ao subtrair o carro, o que resta é a vaga.

O espaço antes limitado para estacionar, quando desocupado torna-se uma oportunidade. Criamos aqui nosso lugar de criação, investigação e interação amistosa com a vizinhança, com o intuito de extrapolar os limite físicos de 5,00m x 2,85m e se irradiar para a rua.

Ao deixarmos o espaço livre de estruturas fixas, buscamos torná-lo mutável e adaptável a cada situação, dando margem para ir além do lugar de trabalho e se tornar um lugar do encontro de ideias.

A mesa no centro, que extrapola o necessário para a nossa estrutura inicial de três pessoas, reforça o desejo de criar um espaço aberto a colaboradores e visitantes, buscando uma maior horizontalidade no processo de tomada de decisões contribuindo para um processo de criação participativo.

www.vaga.arq.br