06/04/2017 — Texto: Sandro Prezotto | Fotos: Elson Yabiku

Em um apartamento onde moram seis pessoas, um dos maiores desafios é satisfazer o gosto pessoal e estilo de cada um, caracterizando os ambientes com o intuito de preservar a identidade das pessoas, harmonizando estas informações para gerar o conceito de estética.

Neste projeto da arquiteta e designer de interiores Dani Lago, o objetivo foi criar ambientes funcionais, visando atender às expectativas e materializar os sonhos de seus clientes, uma família composta por um casal com quatro filhos, sendo três mulheres e um garoto de 10 anos.

“O casal tem um perfil mais tradicional em relação às filhas, mas se mostraram totalmente abertos a novas concepções. Desde as primeiras conversas, notei que existia algo mais clássico e sofisticado como proposta de vida do casal. Tentei retratar isso com uma releitura mais atual para a sala de jantar e estar, visando manter essa identidade”.

Para evitar qualquer alteração estrutural em relação ao que foi entregue pela construtora, Dani optou por utilizar objetos para criar, visualmente, novas divisões entre os ambientes.

“Com esse intuito, de dividir a sala de jantar e estar, criei uma estante vazada em madeira de demolição, mantendo a fluidez entre os ambientes, sem bloquear a visibilidade. Também consegui torná-la uma peça coringa, servindo como apoio para a decoração”.

Em relação à cozinha, Dani destaca que é nas dificuldades que surgem as soluções criativas! “Essa foi uma situação exemplar, na qual tínhamos como problema esconder o duto da coifa, que foi posicionado pela construtora acima das janelas. Como a intenção não era rebaixar o teto todo, para manter o pé direito mais alto, tive a ideia de criar um desenho no gesso que transmitisse movimento e um caminho até a mesa”.

Presente em diversos ambientes, a madeira é um dos materiais preferidos pela arquiteta. “A madeira vem sempre como um elemento que proporciona conforto visual e harmonização estética. É um material conciliador, que além de tudo deixa os ambientes mais aconchegantes e funciona perfeitamente em conjunto com o contemporâneo, principalmente a madeira de demolição”.

Um dos destaques do projeto é a varanda gourmet. Este é um ambiente charmoso criado para receber as visitas, comemorar os bons momentos da vida, desfrutar da companhia das pessoas queridas ou simplesmente apreciar a bela vista de uma das principais avenidas da cidade e seu charme. “Optamos por unir a parte gourmet (com churrasqueira e cooktop) a uma ilha funcional, que serve de apoio para a grande mesa. A concepção partiu de criarmos uma varanda funcional, que pudesse receber um bom número de pessoas, ao mesmo tempo em que proporciona um cantinho intimista de estar e para apreciar a paisagem”.

No projeto de iluminação, de modo geral, a arquiteta conta que planejou ressaltar os itens de maior destaque em cada espaço. “Além, é claro, de tornar os ambientes mais agradáveis, independentemente das condições externas”.