CIM Mulher

Texto Sandro Prezotto

Gente foi feita pra ser feliz!

Acolher e proteger mulheres e crianças em situação de vulnerabilidade em razão da violência doméstica. Esta é a missão do Centro de Integração da Mulher, uma entidade filantrópica que, desde 1997, acolhe e garante a integridade física de mulheres e seus filhos, oferecendo oportunidade e condições do resgate da autoestima, fazendo-a refletir sobre sua situação atual e futura, em endereço sigiloso 24 horas por dia.
Fundadora e idealizadora do CIM Mulher, Cíntia de Almeida atua hoje como voluntária da instituição e conta que a entidade foi criada quando registramos uma deficiência que a cidade de Sorocaba apresentava.

Cíntia de Almeida

“Na época, havia a Delegacia da Mulher, criada nos anos 80. Mas depois de atendidas, as mulheres não tinham para onde ir. Eu era presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e muitas mulheres apareciam lá machucadas. Criamos a ONG em 1996 e passamos a reivindicar a Lei nº 3925/92, que criava a casa abrigo pra mulheres”.

Segundo Cíntia, as mulheres devem buscar ajuda sempre que se virem em situação de violência. “As maiores vítimas são as crianças, que presenciam tudo e no futuro poderão reproduzir esses comportamentos violentos. A violência pode assumir diversas formas. Buscar ajuda com quem entende é uma maneira de assumir a mudança na própria vida. Denunciar é preciso para romper o ciclo”.

Hoje, os serviços do CIM incluem a Casa Abrigo Valquiria Rocha, em atividade desde 1997, e o CERAV (Centro de Reabilitação do Autor da Violência Doméstica), inaugurado em 2014. “Depois de 17 anos trabalhando com a acolhida das mulheres e seus filhos, concluímos que o Centro era imprescindível para romper o ciclo da violência. O CERAV recebe os homens que estão com processo em trâmite no Juizado Especial Criminal da Violência Doméstica contra a Mulher. Lá trabalhamos na reeducação para a prevenção, realizando mediações entre os cônjuges. Acreditamos na recuperação dessas pessoas, pois ninguém nasce cruel”.

A Casa Abrigo consiste de um residência (de 870 m² de área construída) com 4 suítes, área de alimentação, lazer e estudos para as crianças, que continuam com os deveres escolares enquanto a mãe está protegida. A estrutura do CERAV tem salas para atendimento social, pedagógico e psicológico. “O CIM Mulher conta com alguns parceiros, como empresas e pessoas físicas, que nos auxiliam na manutenção do dia a dia. Também organizamos eventos para ajudar a manter os custos da instituição. Celebramos há 17 anos um convênio com a Prefeitura de Sorocaba, que garante o salário da equipe técnica, formada por assistentes sociais, psicólogas, administrativos, plantonistas, motorista e jardineiro, responsáveis por uma gama enorme de ações”.

Visite o site do CIM Mulher e conheça um pouco mais sobre o importante trabalho realizado pela entidade. Se você quiser colaborar com os trabalhos do CIM, as doações podem ser feitas por depósito em conta:

Caixa Econômica Federal – Banco nº:104
Agência: 2757 – Conta Poupança: 013-12466-8
CNPJ: 01 944 279/0001-24

Você pode colaborar com o valor que quiser, pelo tempo que desejar!

— www.cimmulher.org.br

— www.facebook.com/cimmulher